sábado, 25 de novembro de 2017

Amor Espiritual

Viana Visão
Esse seu presente de aniversario, é sem duvida muito especial! Brahma Kumaris...O amor espiritual é aquele que jamais causa tristeza... Em primeiro lugar é amor pela verdade... E quando há a experiência da verdade no eu, o amor se torna um fogo que destrói a negatividade... No amor espiritual há individualidade, mas não me torno individualista... É um amor doador que não busca retorno, assim como o sol não busca reconhecimento do seu brilho... Não cria dependências, é real e puro... Quando consigo afastar-me do egoísmo e do apego, posso dar amor espiritual... Mas com sua permissão completo com Hugo Lapa! NÃO SE IMPORTE... Uma pessoa disse que não gosta de você, não se importe com isso… Alguém desferiu ofensas e agressões graves a ti, não dê valor a isso… Alguém fez fofocas a teu respeito, proferiu calúnias e te difamou em público... Não dê atenção a isso… Alguém te maltratou, humilhou, traiu e rejeitou... Não se importe, não dê atenção, não dê valor… Você perdeu o emprego, seu casamento terminou e você caiu em depressão... Não se deixe abater, não se importe, não dê valor a nada disso... Há uma máxima na vida que diz assim... Quanto mais valor damos a um problema, maior ele se parece... Quanto mais nos importamos com alguma coisa, mais poder ela rouba de nós... Quanto mais atenção conferimos a algo negativo, mais nos tornamos apequenados, desvitalizados, diminuídos, fracos, encolhidos, limitados e incapazes... Por outro lado, mais o conflito, problema, sintoma ou bloqueio parece colossal, gigantesco, poderoso e devorador... Por isso, não se importe com as pequenezas desse mundo... Não dê atenção e nem força para os conflitos.. Não se importe em ganhar ou perder, em fazer ou não fazer, em conseguir ou não conseguir... Nada disso vale tua paz interior… Quanto mais você se importa, mais aprisionado você está e mais você sofre... Quanto mais você se importa e se envolve com um problema, menos você consegue ver tudo com clareza... Quanto menos você se importa, mais desligado você está do mal... Logo, mais imparcial você se encontra e melhor pode agir adequadamente sobre ele... Uma pessoa que não dá tanta importância, ao que lhe ocorre deixa tudo passar… As coisas ruins vêm e vão… a tristeza chega e depois vai embora... Todo sofrimento passa por nós, mas não fica dentro de nós... Quando damos demasiado valor, tudo que vem acaba ficando em nosso interior. Permanece preso, retido e mal digerido... Ficamos remoendo aquilo, processando, relembrando, e isso nos cria mais e mais problemas; mais e mais mal estar; mais e mais infelicidade... Mas quando não damos valor às coisas pequenas desse mundo, passamos a sentir uma paz e uma liberdade espiritual impossível de ser descrita em palavras... Assim como ninguém pode te fazer maior ou menor do que você já é... Somente nós podemos dar uma dimensão maior ou menor ao nosso problema... Por isso, siga essa máxima da vida… Repita sempre esse mantra... “Não me importo, não dou valor, não dou atenção indevida e não entrego meu poder.” O sábio não se importa com o passageiro, com a natureza ilusória desse mundo... Ele não dá importância a nada que é efêmero, e por isso, não sofre não se diminui não se enfraquece, e não se perde nas banalidades das quimeras mundanas... Quanto mais medo você tiver dos seus monstros internos, dos seus demônios… Maior eles serão para você, mais espaço ocuparão em sua vida, mais te roubarão energia e mais ainda te farão sofrer... Pare de dar valor ao que não tem valor; pare de se importar com o que não deve se importar… Não se importe, fique em paz… E permita que a vida flua livremente em ti...